Continuidade, promiscuidade

Numa notícia de “A Bola” de ontem, a lista encabeçada por Godinho Lopes, tem João Franco como candidato a presidente do Conselho Fiscal.

Mas também José Ricciardi (Grupo BES – credor do SCP) e Sikander Sattar (KPMG – auditora das contas do SCP), que faziam parte do anterior CFD.

As relações pessoais acima da separação de poderes. O conflito de interesses – banca e auditoras – em nome da amizade pessoal.

Continuar a promiscuidade? Dia 26 vota Conselho Fiscal Independente!

Independência. Rigor. Verdade.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: